O Estado Social e o fim da União Europeia

Desde 1979 que os diversos candidatos Franceses referem que o estado Social Europeu constitui um pilar fundamental da construção europeia. Que sem este, os povos não têm interesse em entrar ou manter-se na UE. Bem, hoje em dia temos o Euro e pode arremessar-se com esse fardo, dizendo: "ai de nós se tivermos de o deixar"!

Se perceberem Francês vejam o vídeo:






Isto assusta o povo, sem dúvida, e tornou um fortíssimo tónico de "agregação" Europeia, sob coacção psicológica. Mas o que eu queria dizer é o  seguinte, se o que estes senhores disseram neste últimos 35 anos, estiver certo, esta Europa está acabada e nem a coacção da manutenção no Euro servirá para impedir a libertação dos povos do jugo da selvajaria ultra-liberal.





Reacções:

0 comentários: